A "Quinta da Casa Amarela" situa-se na margem esquerda do rio Douro, na mancha classificada pela Unesco como Património da Humanidade, a meio caminho entre as cidades da Régua e Lamego, no coração da mais antiga região demarcada do mundo – o Douro. Encontra-se na posse da mesma família desde o ano de 1885. A casa de habitação, reconstruida e ampliada no primeiro quartel do século passado, empresta o nome à propriedade, em virtude da cor amarela com que se encontra pintada.

Empresa de cariz familiar, continuadora das tradições multicentenárias da região, na arte de produzir o Vinho do Porto e o Vinho de Denominação de Origem Douro.